Como ter um escritório muito legal sem gastar tanto assim

08.12.2016 Idealize

Se você é o tipo de pessoa que estranha quando vê um site divulgando um post intitulado “conheça o escritório do Facebook”, você não me conhece. Eu sou o público-alvo desse post. Meu lado arquiteto se mistura com o sonhador, que se empolga com as pitadas de vaidade e com óbvia a necessidade de aprovação dos seus clientes.

Se você é desse mercado e deu uma risadinha de desprezo, pule o post porque você precisa, antes, admitir: essa galera adora um escritório cool. Tanto quanto adora dizer que tudo começou na garagem. Ter um escritório incrível faz parte da ideia da empresa tanto quanto fazer um trabalho legal (às vezes). O que nem sempre se pode garantir é que tem gente legal trabalhando lá também.

Venenos à parte, ter um espaço massa é algo almejado, mas também muito distante pra maioria dos empreendedores que está começando. Seja você o cara que sonha com a super casa que vai reformar ou o andar inteiro do melhor edifício comercial, a verdade é que a grande maioria das pessoas não vai começar seu negócio com um aporte financeiro para “fazer o lugar mais legal da cidade”.

amazing-creative-workspaces-office-spaces-12-16Esse excelente post de Fernando Aguirre (um sobrenome diretamente herzoguiano) explica em detalhes como um espaço de coworking ressignifica a noção de espaço de trabalho na cidade. É incrível, você tem que ler. E esse texto é inspirado nele – agora, dando a dica para os amigos da comunicação.

Além de tudo que você já sabe que um coworking proporciona, pouca gente conhece a possibilidade das salas privativas e de como isso é uma mão na roda para uma microempresa que está só começando. Não quero nem pensar no que significa colocar, na ponta do lápis, o custo de ar condicionado, móveis, pintura, limpeza, água, café. Quero falar especificamente do que está além.

Se no seu escritório dos sonhos tem aquele espaço relax incrível, uma área de vivência, copa, sala de reuniões, área de treinamento, fica a dica: um coworking tem tudo isso no melhor estilo on demand. Nada de colocar isso no custo fixo e ter uma despesa chata que, meses depois, você está cortando ou estressado arrumando formas de “fazer render”.

No fim das contas, ter um ambiente incrível ajuda e muito seu time a produzir mais, especialmente se você está na indústria criativa. Faz diferença, sim, proporcionar algo assim e em ambientes compartilhados você usufrui exatamente disso – até o dia, quem sabe, que seu escritório seja tão legal quanto você imaginou.

 

Salvar

Salvar

Ricardo Oliveira