Dicas para lidar com a ansiedade nos negócios

13.12.2017 Desenvolva

A ansiedade é um tema, que apesar de não ser diretamente focado em empreendedorismo, afeta demais a vida da nossa geração (os millennials – nascidos entre a década de 80 e início dos anos 90) e acaba tendo um grande impacto para quem empreende.

Se pararmos para perceber, nascemos numa época onde se popularizou a Internet, computadores, celulares, o fluxo de informação se tornou mais rápido e isso, consequentemente, nos transformou em pessoas mais ansiosas.

A Ansiedade nos Empreendedores

A OMS (Organização Mundial de Saúde) destacou o Brasil como o país com a maior taxa de pessoas que sofrem de ansiedade no mundo. Nossa taxa é de 9,3% da população, quase 3 vezes maior que a média mundial (3,6%).

Quem é ansioso sabe que as sensações sentidas são as mais diversas: aquele aperto no peito, respiração ofegante, o coração que parece que vai sair pela boca e aquelas borboletas no estômago. O fato é que estamos bastante sujeitos a isso e é preciso tomarmos alguns cuidados.

Por conta da nossa rotina maluca cuidando da empresa e de estar sempre em um ambiente de incertezas com mudanças constantes que nos fazem sempre ter que estar pensando um passo à frente de tudo, a ansiedade acaba se tornando parte do nosso dia-a-dia.

Tudo isso cria um ambiente onde o empreendedor convive “naturalmente” com a ansiedade sem nem perceber.

Sem contar na ausência de respostas para as coisas que fazemos ou na demora delas (uma proposta comercial que o cliente demora semanas/meses para responder) e constante preocupação em fechar a conta do financeiro no fim do mês.

Tudo isso cria um ambiente onde o empreendedor convive “naturalmente” com a ansiedade sem nem perceber. E isso é extremamente perigoso para a saúde e para o nosso desenvolvimento profissional.

Dicas para controlar a ansiedade

Por isso, juntei algumas dicas de como podemos reduzir esse nível de ansiedade diante da rotina puxada que temos nos nossos negócios.

1. Procure inspirações

Ter um local com coisas que te inspirem ajuda a ter uma tranquilidade no meio de todo o caos.

Eu, particularmente, amo ouvir música (inclusive você pode relaxar com a playlist Chill To Work do Tot Coworking no Spotify) e isso reduz muito o meu nível de ansiedade.

Além disso é bem bacana usar o Pinterest para criar Boards (painéis) com imagens, lugares e frases que te inspiram. E quando estiver num momento mais tenso, você dá uma olhada nela.

2. Participe de grupos de empreendedores

É legal estar em contato com pessoas que entendem pelo que você passa. Os dilemas e a rotina são parecidos e isso acaba reduzindo a cobrança pelo trabalho, te deixando menos ansioso.

3. Estabeleça um limite para o trabalho

Sei que é super difícil criarmos um limite no nosso tempo de trabalho, mas é fundamental termos períodos de descanso para reduzir a ansiedade.

Tente ir reduzindo 1h por dia por um tempo, depois reduz um pouco mais até chegar numa carga-horária que você consiga desempenhar seu trabalho sem sacrificar sua saúde.

4.Entenda que você não pode controlar tudo

Planejou e deu errado? Acontece!

Nem tudo vai dar certo e querer ter controle tudo é impossível. A gente pode ter dedicado 120% da nossa energia, mas se o clima, o tempo ou o trabalho de outras pessoas (que você não pode controlar) interferirem, as coisas podem ter um resultado diferente.

5. Tenha hobbies

Busque ter atividades de escape ao trabalho. Ficar focando em metas e projetos 24h por dia é a pior coisa para quem tem problema com ansiedade.

Fuja um pouco da rotina e vá fazer algo que goste: pintura, academia, correr na praia, surfar, jogar uma pelada… O importante é ter algo que te desconecte do trabalho por um tempo.

6. Medite no dia-a-dia

Separe um tempo para você refletir na sua vida, me você. Ter um momento para focar sua mente no real motivo de você dedicar esforços nas coisas e tentar se entender mais ajuda muito a reduzir o nível de ansiedade.

São tantas as dicas para conseguir controlar a ansiedade – e algumas delas você descobrir com você mesmo (como foi o caso da música pra mim).

Compartilhei mais 2 dicas para controlar a ansiedade lá na coluna da CBN João Pessoa e você ouvir ela aqui. É super curtinha (menos de 5min).

Entenda que a ansiedade pode interferir negativamente na sua vida e no seu desenvolvimento profissional. Por isso, em casos mais graves de crises de ansiedade, você deve procurar ajuda médica de um psicólogo.

Jorge Wanderley