Entendendo o Planejamento Estratégico

05.12.2017 Desenvolva

Muitos empreendedores ficam na dúvida sobre o Planejamento Estratégico. Como funciona, o que deve ser levado em consideração, dentre várias outras coisas.

Então, decidi explicar um pouco mais sobre esse assunto aqui.

O Planejamento

Quando falamos sobre planejamento, temos que lembrar que a sua essência está em se preparar para agir no dia-a-dia, sempre levando em consideração o que pode acontecer no futuro.

O plano não é algo que deve ser seguido à risca e a qualquer custo. Ele é apenas um guia para nortear as ações. Até porque no decorrer do caminho vão surgindo variáveis que afetam o planejamento feito e, dessa forma, precisam ser levadas em consideração na hora da execução.

O empreendedor não pode ter uma atitude passiva com relação ao planejamento.

E fuja da filosofia de vida “Deixa a vida me levar, vida leva eu”, do Zeca Pagodinho. O empreendedor não pode ter uma atitude passiva com relação ao planejamento. Você que precisa ter o controle do rumo da sua empresa, e não outras pessoas, ou o “acaso”.

A Estratégia

a essência da estratégia está no caminho para se construir o futuro que você deseja para o seu negócio. E esse futuro é um futuro compartilhado com todo mundo envolvido na empresa.

Da mesma forma que nas estratégias de guerra se tem um líder à frente para orientar toda a tropa sobre a forma que deve agir para atingir o objetivo – que é vencer a guerra -, o empreendedor vai, justamente, definir as estratégias e orientar toda a equipe para poderem atingir os objetivos desejados para o seu negócio.

Para desenvolver uma boa gestão estratégica, é preciso ter em mente 4 pressupostos bem simples:

  1. É preciso ter um futuro desejado, um alvo para chegar.
  2. Ter a consciência de que o futuro é incerto.
  3. Entender que o futuro depende de quem está desejando ele.
  4. Lembrar que esse futuro só vai se concretizar com a ajuda de outras pessoas.

Cultura Estratégica

Só que a gente precisa ter em mente que a gestão estratégica não é algo momentâneo. Não basta só sentar no fim do ano para organizar o planejamento estratégico.

A prática constante da gestão estratégica ao longo do ano vai desenvolvendo algumas capacidades fundamentais para conseguir bons resultados:

  • Antecipação: visão prévia do que pode acontecer.
  • Realização: atitude mais precisa sobre o que deve ser feito.
  • Mobilização: capacidade de conseguir envolver as pessoas durante o processo.

Percebeu como são coisas bem simples que podem ajudar o seu negócio a ter uma estratégia mais estruturada para conseguir atingir os seus objetivos?

Planeje seu negócio, estabeleça suas metas e acompanhe os resultados. Isso vai fazer muita diferença no futuro.

Jorge Wanderley